sábado, 2 de abril de 2011

O Roubo: Pseudopeça em dois atos

ATO 1

Invadiu a casa, revirou gavetas e roubou uma caixa – pesada, repleta de fotografias. Não deixou lembranças.

ATO 2

Passou a noite folheando a vida alheia. Adormeceu sobre glacê e brigadeiros, na festa do filho que não teve.

(02 de abril de 11.)

3 comentários:

  1. "J'ai plus de souvenirs que si j'avais mille ans."

    ResponderExcluir
  2. Oi Angelica! To adorando seu blog! E adorei esses atos inspirados em relatos! =)

    ResponderExcluir